ÚLTIMAS NOTÍCIAS /

Dom João Mamede Filho é cidadão honorário de São Jorge do Patrocínio

Segunda-feira, 26 de agosto de 2013

Visualizada 402 vezes


O bispo diocesano Dom João Mamede Filho, recebeu o título de cidadão honorário da cidade de São Jorge do Patrocínio – PR.

A sessão da câmara que formalizou a entrega do título aconteceu no dia 22/08, no inicio de sua visita Pastoral que aconteceu nos dias 22 á 25 de agosto.

Abaixo a homenagem na íntegra para Dom João Mamede Filho realizada pelo presidente da câmara de vereadores Sr. Paulo Sérgio Arias.

“Boa tarde a todos.

Quero cumprimentar neste momento:

O Excelentíssimo e Reverendíssimo Senhor, Bispo Dom Frei João Mamede Filho, da Diocese de Umuarama;
O Reverendíssimo Padre deste Município: AIRES MICHEL
O Excelentíssimo Senhor Prefeito Municipal: Valdelei Aparecido Nascimento
O Excelentíssimo Senhor Vice Prefeito Municipal: Aparecido Faleiro de Souza
Os nobres Vereadores desta Casa
As autoridades presentes e a todos de uma forma geral que vieram prestigiar esse grande momento.

Para início desta homenagem, quero lembrar do papel da Igreja Católica na história de nosso município.

Era por volta do ano de 1975, quando São Jorge do Patrocínio era Distrito de Altônia. Estava no seu auge populacional, os cafezais tomavam conta da nossa terra e praticamente todas as propriedades rurais eram habitadas.

Tínhamos escolas em todos os bairros, sendo muitas delas construídas pelos pais de alunos.

Naquela época foi criada a Diocese de Umuarama e também a Paróquia Imaculada Conceição neste município.

O Padre local, utilizando-se dos planos pastorais deu oportunidade às comunidades se desenvolverem, organizarem, lutar e buscar o melhor para o seu povo, o que contribuiu assim, tornar São Jorge do Patrocínio no que é.

A galeria dos Cidadãos Honorários de São Jorge do Patrocínio ganha mais um ilustre integrante.

É por isso que, com enorme satisfação que esta Casa de Leis, juntamente com a Prefeitura de São Jorge do Patrocínio, recebe a todos para essa solene sessão de entrega de Título de Cidadão Honorário ao Bispo Dom João Mamede Filho, em reconhecimento de seu importante trabalho em nosso Município e região.

Tal reconhecimento teve origem pelo Poder Executivo e aprovação do Legislativo, através da Lei nº 1.730/2013, de 19/08/2013.

Segundo o Dicionário Aurélio, um dos significados da palavra “reconhecer” é “admitir como bom, verdadeiro ou legítimo”.

Acreditamos que os adjetivos “bom, verdadeiro e legítimo” do Aurélio, na verdade, referem-se ações. Sendo assim, esta homenagem é um sinal de aprovação ao empenho da pessoa aqui homenageada em promover o bem, em buscar fazer o melhor dentro das condições vigentes.

Hoje vivo um momento singular como cidadão e como político. E não poderia ser diferente: pela ocasião e, sobretudo, por quem essa Casa Legislativa homenageia. Aliás, tenho sérias dúvidas de quem está sendo homenageado, se é o Bispo Dom João Mamede Filho ou o povo Sanjorgense, que adota exultante, este homem, exemplar e inspirador.


O Bispo aqui homenageado tem relevante importância e atuação não só na Diocese de Umuarama, mas também na Política e na sociedade regional, no intuito de obter o melhor para sua população.

Ao observarmos o currículo deste ilustre homem, podemos observar e admirar sua enorme bagagem, experiência e capacidade para estar no cargo e função em que se encontra além de termos a certeza de que, ele, verdadeiramente é um homem de Deus, enviado para ajudar esse povo.

Em um elogio ao clero, o papa Francisco disse em 27 de Julho desse ano que os bispos católicos são os pastores do povo de Deus e devem ser seguidos com confiança e coragem. Assim, certamente, podemos ver tal verdade na figura do Bispo aqui homenagiado.

Dentre suas atividades, o Bispo Dom Mamede tem valorizado a AMERIOS, Associação de Municípios de Entrerios, para que esse seja fortalecido e que possa trazer melhores condições de desenvolvimento para a região.

Durante as reuniões da AMERIOS, o Bispo luta pela consolidação dos municípios para obtenção de recursos.

Uma de suas principais campanhas é a duplicação da PR 323 no trecho compreendido entre Maringá e Guaíra e, foi em Março deste ano que se reuniu com autoridades regionais para encabeçar uma forte campanha, o que resultou na licitação para início dos trabalhos para duplicação em 2014.

Na política do decanato: ocorre a mesma questão da AMERIOS, onde incentiva quer os prefeitos do decanato que compõem a diocese, façam entrosamento entre os municípios e prefeitos, almejando a integração e parceria.

As reuniões do Decanato têm buscado cada vez mais uma melhor qualidade de vida e saúde ao povo da região, em especial ao nosso município.

As reuniões promovidas por nosso Padre AIRES MICHEL com os agentes de pastorais tem sido muito contributiva na formação política e social dos jovens e da população em geral.

Em Maio/2012, através de entrevista ao Portal Altônia, o Bispo afirmou que a Igreja jamais indicou a seus fiéis um partido e menos ainda nomes de candidatos nas eleições, mas segundo ele: A Igreja indica a pauta das qualidades e projetos a serem observados durante a escolha do candidato, não fazendo distinção de raça, cor ou credo. Esclareceu ainda que, na Diocese de Umuarama, irá colocar em pauta para as próximas eleições o item “Fazer a Amerios acontecer”.

Para o Bispo, a Igreja Católica quer ir além do assistencial, em que o seu objetivo é suscitar e participar da criação de dádivas permanentes para a comunidade, melhorando a qualidade de vida das pessoas e ajudando a fazer crescer o Índice de Desenvolvimento Humano da região.

Para ele, “é muito importante estar em sintonia com as autoridades municipais, já que são delas que nascem os projetos que beneficiam a população. Quem ganha é a comunidade, que tem seus anseios atendidos”.

QUANTO AO CISA – CONSÓRCIO INTERMUNICIPAL DE SAÚDE: O Bispo acredita que com o fortalecimento do consórcio, será possível a aquisição de recursos dos mais diversos e tratamento especializados à população. Entende que a Igreja Católica deve suscitar e apoiar candidatos com estes ideais.

Falar da pessoa do Bispo é fácil, pois é alguém que, todos que o conhecem sabem que ele tem ajudado as pessoas a amarem o conhecimento, os princípios de educação, a respeitar a filosofia e a ética, a buscar a sabedoria. É alguém que ajuda as pessoas a aprenderem a aprenderem. E quando não mais precisarem dos seus ensinamentos, é porque se tornaram autônomos, independentes.

Classifico a pessoa do Bispo como homem íntegro, honesto e batalhador, que conquistou o respeito e a admiração de todos através do trabalho e da capacidade inconfundível de conduzir tudo aquilo que se propôs a fazer durante a sua jornada, sempre com seriedade e sapiência.

Cada pessoa em sua existência tem duas atitudes: construir e plantar. Os construtores podem demorar anos em suas tarefas, mas um dia terminam aquilo que estavam fazendo e parados ficam limitados por suas próprias paredes. Já os que plantam raramente descansam, mas ao contrário de um edifício o jardim jamais para de crescer e ao mesmo tempo que exige a atenção do jardineiro, também permite que para ele a vida seja uma grande aventura. Sem dúvidas o nosso Bispo Dom João Mamede Filho pertence ao segundo grupo, ou seja, dos que plantam, onde incansavelmente vem cultivando o seu jardim, cujo  o sucesso é reconhecido.

Excelentíssimo e Reverendíssimo Senhor, Bispo: O Título hoje que lhe é entregue é a forma mais sincera de demonstrar a nossa eterna gratidão por tudo aquilo que fez, faz e ainda fará em prol do desenvolvimento do nosso município.

Parabenizo-lhe por esta justa homenagem e fico feliz pela oportunidade de estar presente na entrega deste Título.

Que Deus o abençoe e continue deixando nos seus caminhos as sementes a serem colhidas pela posteridade.

Meu muito obrigado a ti e a todos os presentes.”

 Galeria de Fotos

 Outras Notícias